LITERATURA

Dan Brown escolhe a Espanha como cenário para seu novo romance, “Origin”

Dan Brown não só escolheu a Espanha por motivos narrativos, mas também por conta de um vínculo pessoal com este país que interferiu na escolha, explica em nota.

Foto: ACT / Imagen Más

As cidades espanholas de Barcelona, Bilbau, Madri e Sevilha são os cenários escolhidos pelo autor norte-americano, Dan Brown, para situar “Origin” (Origem, em inglês), a nova história protagonizada pelo professor de simbologia e iconografia religiosa, Robert Langdon, interpretado no cinema por Tom Hanks.

Depois de “Anjos & Demônios” (2000), “O Código Da Vinci” (2003), “O Símbolo Perdido” (2009) e “Inferno” (2013), o quinto romance protagonizado por Langdon tem seu lançamento mundial previsto para o dia 5 de outubro.

Em “Origin”, Langdon percorrerá algumas conhecidas locações como o Monastério de Montserrat, a Casa Milà (La Pedrera) e a Sagrada Família, em Barcelona; o Museu Guggenheim, em Bilbau (norte), o Palácio Real de Madri e a catedral de Sevilla (sul).

Como já aconteceu com Paris em “O Código The Da Vinci Code”, com Roma em “Anjos  & Demônios” e com Florença em “Inferno”, os cenários dos romances de Dan Brown sempre se transformam em elementos chave em suas tramas.

“Sempre considerei a Espanha uma terra de charmosos paradoxos; um lugar possuidor de uma rica tradição e história que, ao mesmo tempo, não deixa de trabalhar o futuro inovando em ciência e tecnologia”, explicou Dan Brown em um comunicado pela sua editora.

Por este motivo, segue, “quando me dispus a escrever um romance que misturasse o antigo com o moderno, soube que só podia escolher um lugar para ambientá-lo”.

Dan Brown não só escolheu a Espanha por motivos narrativos, mas também por conta de um vínculo pessoal com este país que interferiu na escolha, explica em nota.

“Espanha foi minha primeira viagem ao exterior, quando eu tinha 16 anos e vivi nas Astúrias com uma família maravilhosa. Durante minha visita, me apaixonei pela cultura, pela historia e, sobre tudo, pelas pessoas e pela língua”.

Posteriormente o autor retornou onze vezes a Espanha, muito mais do que a qualquer outro país. “Inclusive durante um ano frequentei às aulas da universidade de Sevilha”, se lembra o americano.

Em “Origin”, Langdon ajuda ao Museu Guggenheim de Bilbau depois de um anúncio transcendental “que vai alterar a ciência para siempre”.

Turismo TV <p>Bolso con estampados típicos españoles. Foto: Grupo LK</p>
Ver vídeo

Quais lembrancinhas os turistas levam da Espanha? (em espanhol) duração: 2.05

Ver mais vídeos

Tags