La Paloma, o refúgio de verão dos uruguaios

A região de Rocha tem sido descoberta por estrangeiros que se encantam com a beleza das praias e a tranquilidade desse refúgio uruguaio.

A praia de Balconada. Foto: EFE/Ana Chain

Quando os termômetros sobem e os longos dias ensolarados passam a ser uma constante, os uruguaios fogem para o litoral para aproveitar o verão. Se Punta del Este é o destino mais conhecido do país, o balneário de La Paloma é um refúgio para quem quer paz e tranquilidade.

A cidade, que deve seu nome à silhueta de pomba (paloma em espanhol) formada pelas rochas, é o balneário mais ao sul da província de Rocha, e se destaca pela diversidade de praias que oferece, 16 em 20 km de costa.

Tem atração para todos os gostos

Praias como a Anaconda e a Balconada são as mais frequentadas pelos jovens; El Cabito é ideal para crianças. Para quem gosta de windsurf, há La Aguada e Los Botes; Solari, Playa Serena, Antoniópolis e Arachania são as melhores para quem quer ambientes virgens e silenciosos.

La Paloma é o único balneário de Rocha que tem uma praia acessível, Bahía Grande, onde cadeirantes têm rampas e banheiros adaptados, além de guarda-vidas especializados para ajudá-los a entrar no mar.

Pesca e natureza

O deque do porto de La Paloma, o farol e a ilha de Tuna são outros pontos privilegiados que para a pesca desportiva.

Os adeptos do turismo ecológico podem passear pela Lagoa de Rocha, uma área protegida separada do mar apenas por um cordão de areia.

O Farol de Paloma. Foto: EFE/Ana Chain

O Farol de Paloma. Foto: EFE/Ana Chain

Por ser tão versátil e contar com serviços e hotelaria de alto padrão, La Paloma se consagrou como destino favorito das famílias uruguaias e argentinas, e tem sido descoberta por turistas chilenos e paraguaios.

“Na segunda quinzena de janeiro percebemos um aumento de 20% nos turistas que chegaram a Rocha, e muito mais estrangeiros. Nos surpreendeu a quantidade de alemães, israelenses e indianos”, afirmou a Diretora de Turismo de Rocha, Ana Claudia Caram.

Descoberta pelo mundo

A explosão turística de Rocha aconteceu em 2007, e desde então o governo regional trabalha para atrair ainda mais visitantes.

“A partir de 2007 o crescimento tem sido contínuo. O setor público está investindo em infraestrutura turística, principalmente em espaços públicos. Este ano instalamos banheiros públicos em todas as praias, wifi nas arenas e em outros espaços como feiras artesanais”, especificou Caram.

Um dos destaques é a promoção da gastronomía local, para que os turistas possam encontrar diversidade e os produtos típicos da região.

“Em Rocha pode não haver um McDonald’s, mas a ideia é que sempre haja peixes, bolinhos de algas e outros pratos típicos com os nossos ingredientes”, explicou.

Ao que parece, os uruguaios querem compartilhas seu refúgio com o resto do mundo.

Marcados com: , ,
Publicado em Destinos

Turismo TV <p>Bolso con estampados típicos españoles. Foto: Grupo LK</p>
Ver vídeo

Quais lembrancinhas os turistas levam da Espanha? (em espanhol) duração: 2.05

Ver mais vídeos

As mais no Efetur

Tags