PERU

Indígenas da Amazônia peruana desenvolvem turismo rural

O projeto busca melhorar a capacidade de gestão e operação dos serviços turísticos em benefício das comunidades nativas.

EFE/Marcelo Sayao

Seis comunidades indígenas de Madre de Dios, ao sul do Perú, vão desenvolver um serviço de turismo rural como parte de um projeto de investimentos públicos por um milhão de soles (360.000 dólares), de acordo com um comunicado divulgado nesta sexta-feira pelo Servicio Nacional de las Áreas Naturales Protegidas por Estado (Sernanp).

O projeto busca melhorar a capacidade de gestão e operação dos serviços turísticos em benefício das comunidades nativas de Boca Isiriwe, Diamante, Puerto Azul, San Miguel de Shintuya, Puerto Luz e Masenawa, localizadas na Reserva Comunal de Amarakaeri.

Dado que as comunidades estão em uma reserva área natural, o projeto prevê o acondicionamento físico de seus atrativos, a elaboração de pacotes turísticos e a implementação de um programa piloto para esta atividade.

Por tal motivo, o orçamento aprovado será utilizado na melhoria e abertura de trilhas educativas, a aquisição de equipamentos para os módulos de atenção aos turistas, centros de ensino, a aquisição de meios de transporte fluvial e equipamentos nos módulos de hospedagem, cozinha, pessoal e artesanatos.

A região de Madre de Dios tem os maiores parques e zonas de proteção ambiental por sua biodiversidade, motivo pelo qual também é foco de madeireiros e mineradores ilegais onde faz divisa com o Brasil e Bolívia no centro da América do Sul.

Turismo TV <p>Bolso con estampados típicos españoles. Foto: Grupo LK</p>
Ver vídeo

Quais lembrancinhas os turistas levam da Espanha? (em espanhol) duração: 2.05

Ver mais vídeos

As mais no Efetur

Tags